sexta-feira, 4 de julho de 2014

Sobre as oitavas

Cometários rápidos sobre as oitavas, para não passar em branco.

No final, de forma geral, a tradição das grandes seleções prevaleceu. No sufoco para quase todas, mas prevaleceu. Uma coisa achei clara vendo os jogos: a diferença entre uma boa seleção e jogadores "com vontade". Jogadas de mestre, daquelas que fazem toda a diferença, vieram de grandes seleções.

E essa vai ser a Copa dos goleiros... e das traves! Brasil e Argentina respiram aliviados pelas traves cumprirem seu papel. Por sua vez, os goleiros foram a sensação dessa etapa. Se não fosse por eles (ajudados, em muitos casos, pela falta de categoria de alguns jogadores), teríamos goleadas, e não tanta prorrogação.

Agora, que venham as quartas. Meu palpite?

França
Brasil
Argentina
Holanda

Sim, confesso, palpite misturado com torcida. Mas seria bem interessante ver esses quatro nas semifinais. Holanda precisa ganhar uma Copa (não é possível isso!), e vai  com tudo. Argentina também, já se passaram quase 30 anos e tá na hora de mudar aquela música vergonha alheia que fala da Copa de 90 (gente, quem ficou traumatizado com aquilo? É preciso esclarecer aos hermanos que nenhum brasileiro se importa com a desclassificação de 90...). França tá na farra, e agora se empolgou e quer o caneco. E nós... nem preciso falar. Perder em casa, de novo, vai ser complicado demais.

Mas já estou me adiantando demais na análise. Pode ser completamente diferente. Domingo volto e vemos se eu ganharia o bolão!

Nenhum comentário:

Postar um comentário