terça-feira, 12 de abril de 2011

E o tal do Marketing

Neymar garantiu sua expulsão no jogo contra o Colo Colo ao ganhar um cartão amarelo pela comemoração inusitada pelo gol feito. Agora está fora da próxima partida da Libertadores.

A brincadeira envolvia uma máscara com o rosto do atacante, que ele usou ao contrário ao correr pro abraço.

Quando vi, pensei "legal, Neymar comemorando com suas duas caras". Nem sabia que a torcida estava toda decorada com o mesmo adereço.

David viu antes. Viu a torcida. E pensou ser um protesto, como se a massa estivesse chamando Neymar de mascarado.

Nada disso, o lance era uma ação de marketing da Nextel, que lançou recentemente um filme com o jogador e seu pai, os dois Neymares. Acho o filme bem bonito, só não me convenço de sua sinceridade por se tratar do atleta mais mimado e pentelhinho dos últimos tempos.

Sei lá, talvez seja só implicância, mas olha que coisa. Duas interpretações negativas sobre a tal ação e até agora eu não consegui entender qual era o real objetivo da iniciativa.

Li que a intenção era comemorar a parceria entre o atleta e a marca. Fazendo máscaras? Õ.o Botando a torcida pra usar as máscaras? o.Ô

Só eu fiquei confusa?

Bom, além de não entender a ação, mesmo que involuntariamente (já que eles dizem que foi um torcedor que deu a máscara por iniciativa própria), a brincadeira acabou prejudicando o Santos.

Mais um cartão amarelo desnecessário por conta de comemorações bestas. Já pode ficar só na dancinha?

2 comentários:

  1. Também pensei no lance das duas caras!! Não achei a ação ruim pq não acho que o Neymar seja duas caras, só acho que ele é muito imaturo mesmo (o que na idade dele é normal...)e acabou prejudicando o time por causa duma brincadeira que fez pra aparecer um pouco mais...

    ResponderExcluir
  2. TENHO MUITA CURIOSIDADE de saber o que o Muricy achou disso...HEHEHE

    ResponderExcluir