sábado, 22 de janeiro de 2011

Unindo o Grupo


Apesar de declarações arrogantes à mídia após as críticas do Loco Abreu, Joel teve uma atitude acertada (na minha opinião) para resolver as diferenças com o atacante e evitar um racha na equipe.

Em reunião longa entre jogadores e comissão técnica, todos tiveram a chance de expôr suas opiniões e críticas e entraram num acordo de cada um fazer o seu máximo pelo Botafogo. O treinador demonstrou respeito pelo jogador, sempre deixando claro que "quem manda" é ele mesmo e explicou que a pré-temporada foi curta e que o time ainda está sendo montado.

Só espero que essa reunião não tenha sido apenas um teatro, mas que os envolvidos tenham sido, de fato, ouvidos. Como já disse aqui, concordo com as opiniões do Loco e acho que Joel deve levá-las em consideração. Depois dessas horas de conversa, melhor que todos falem menos e trabalhem mais (e melhor). As verdadeiras lendas não precisam se auto-proclamar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário