quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Reconhecimento


O futebol brasileiro não começou após 1970 e muitos craques inesquecíveis, ou melhor, eternos, apareceram e se destacaram antes disso.

Se o torneio nacional era organizado por José e não João, se as regras eram diferentes e os times também, isso não apaga a importância, para o esporte brasileiro e mundial, de todos as batalhas acontecidas na década de 1960 e de todos os soldados e generais dessas batalhas épicas.

Nada mais justo que ver Pelé (que nos ama), cheio de medalhas para reconhecer tudo que conquistou pelo Santos. Eu acho justo, sim. E nada mais justo do que reconhecer e premiar os heróis brasileiros de 1968.

Quem quer saber de história botafoguista deve de vez em quando dar uma olhada no blog Mundo Botafogo. Aqui o link para a história dessa conquista de 68.

Resumidamente, essa vitória tem muitas nuances alvinegras como um longo adiamento em função de uma reclamação do Metropol, loucuras da CBD, perda de vaga na Libertadores, desfalques importantíssimos (Gérson e Jarizinho) e uma vitória arrebatadora. Ah, e uma demora de 42 anos para o título ser reconhecido!!

Seguem os créditos da final

FICHA TÉCNICA DA FINAL
BOTAFOGO 4 X 0 FORTALEZA
Data: 04/10/1969
Local: Estádio do Maracanã
Renda: NCr$ 34.006,75
Público: 13.588
Árbitro: Gualter Portela Filho
Assistentes: não disponível
Gols: Roberto, Ferreti (duas vezes) e Afonsinho (BOT)

BOTAFOGO: Cao; Moreira, Chiquinho Pastor (Leônidas), Moisés e Valtencir; Carlos Roberto (Nei Conceição) e Afonsinho; Rogério, Roberto, Ferretti e Paulo César
Técnico: Zagalo

FORTALEZA: Mundinho; William, Zé Paulo, Renato e Luciano Abreu; Joãozinho e Luciano Frota; Garrinchinha, Lucinho, Erandir (Amorim) e Mimi
Técnico: Gilvan Dias

Acertadamente, o presidente Mauricio Assumção já anunciou que vai fazer um evento com os craques (Boteco 68) semelhante ao que rolou agora com os campeões de 1995. Louvo a iniciativa de reconhecer, festejar e aproximar da torcida os grandes nomes de nossa Gloriosa história.

FELIZ NATAL!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário