quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Autoestima

Tirando do Wikipédia: "autoestima inclui a avaliação subjetiva que uma pessoa faz de si mesma como sendo intrinsecamente positiva ou negativa em algum grau".

Em meio ao caos da discussão a respeito de quantos Brasileiros os times vão ficar após a decisão de unificação dos títulos pré-1970, eu fico tentando encontrar algo que me afete, e não consigo encontrar nada...

Neste fim de ano (inesquecível), eu desejo que todos os torcedores tricolores recuperem a alta autoestima, abalada por essa década cheia de decepções.

Tá na hora de aprendermos a ser indiferentes a certas provocações, como por exemplo, a do próprio Sanchez, discutida no meu post anterior. Acho que chegou a hora de uma mudança de comportamento, de postura, independente do número de campeonatos conquistados (claro que no coração da gente, o tri já está presente muito antes de qualquer anúncio da CBF).

No ano passado e neste ano a gente provou que é capaz de superar as mais perversas adversidades que cruzarem nosso caminho. Pra mim, essa foi a tecla que o Muricy mais teclou, o discurso que ele mais buzinou no ouvido dos nossos jogadores. E eu não tenho dúvidas de que isso refletiu diretamente na autoestima desses jogadores.

Esta trajetória não deve e não pode passar em branco, ela será o nosso divisor de águas, o fim e o recomeço, a recuperação da autoestima tricolor.

Ignorem provocações, a indiferença é a melhor resposta. Nós sabemos bem do valor que temos.

Perdoe meu francês, mas f*&%-se o resto...

Já a minha opinião a respeito da unificação dos títulos é meio "lugar comum". Pra mim, unificar os títulos da Taça Brasil seria equivalente (ou até pior) do que, de uma hora para outra, resolverem que os títulos da Copa do Brasil serão transformados em Brasileiro (seria até mais coerente, já que são disputados, no mínimo, 10 jogos para ser campeão (se ele ganhar as duas primeiras fases com mais de dois gols de diferença), enquanto que no outro, se disputava uns 3 ou 4 jogos...

Nenhum comentário:

Postar um comentário