sexta-feira, 5 de novembro de 2010

O time da virada

Quando eu vi o Vasco entrar em campo com o uniforme negro senti um alívio: “talvez hoje as coisas saiam bem”, pensei. Além de mais bonito, é indiscutível que esse uniforme dá certo nesse campeonato. Pelo menos na minha lógica de torcedora. E, mais uma vez, foi o que aconteceu.

O jogo começou tenso. Não, não estou falando do gol do Prudente (ainda), mas dos comentários dolorosos do PFC. Dessa vez achei que não aguentaria, minha paciência está meio limitada. E quase segui o conselho do maridón de tirar o som e ficar só na imagem.

Foi nesse clima que o Prudente abriu o placar. Não é necessário falar da reação dos comentaristas. Vou falar da minha. Senti um desespero, quase uma falta de ar. Vi que a coisa ia ficar tensa e que era muito provável que o time perdesse a cabeça. Já via PC expulso, jogadores cercando o juiz... mas, felizmente, errei. Foi só drama da minha cabeça louca de torcedora.

Claro que o time se desesperou, mas conseguiu controlar as coisas, e Rômulo salvou a noite, duas vezes. E aí, meu amigo, critiquem à vontade: era pra segurar mesmo o resultado. Já sabemos que o Vasco não aguenta o ritmo, e ainda não encontrei outra maneira de segurar o resultado que essa. O jogo fica morno, dá sono. Tô nem aí. Nessa reta final, eu quero pontos. Claro, queria o espetáculo também. Mas se tiver que escolher, fico com os pontos, tá?

Domingo temos clássico. Continuo querendo os pontos, mas também queria que o campeonato ficasse no Rio. Até porque, Cruzeiro e Corinthians... vou poupar o palavrão. Mas, sem chances: vou torcer como sempre, vamos Vascão!, e prometo que terei a mesma reação contra os outros times que também estão na disputa e são futuros adversários. Afinal, é até justo: se ganharmos do Flu, do Corinthians e do Cruzeiro eles ficam na mesma e nós, rindo à toa! Ótima solução!

3 comentários:

  1. Só falta ganhar!
    Lívia, vcs jogam sem Zé Roberto e, provavelmente, sem Éder Luis.
    Outra coisa, eu vi o jogo (ou acompanhei de rabo de olho) quase todo. O locutor (que não sei o nome) e o comentarista André Loffredo (já expressei minha opinião a respeito dele aqui) não estavam nada felizes com o jogo. E, de fato, o jogo foi muito ruim (dessa vez quase concordei com eles =/)

    ResponderExcluir
  2. então, Livia! Vascão ganhando tudo ajuda o título a ficar no Rio, sim
    União total ;)

    ResponderExcluir
  3. Camilla, pode tirar seu cavalinho da chuva, amanhã o jogo é nosso (só não aposto em goleada por causa da chuva!)
    Os outros vcs podem ganhar =P (Lívia deve estar felicíssima com esses comentários....)
    Mas é sério agora, eu nunca acho que a gente vai ganhar do Vasco, mas amanhã, sei não, tô com aquela sensação boa...

    ResponderExcluir