sexta-feira, 8 de outubro de 2010

A estrela de Vanderlei Luxemburgo

Val Baiano fez um gol. Eu poderia parar o post por aqui e vocês entenderiam o recado. Luxemburgo estreia à frente do Flamengo e Val Baiano faz um gol. Não estou dizendo que agora faremos uma campanha incrível, meteórica rumo ao hepta (Oi, não sou louca e sei fazer conta?). Estou dizendo apenas que Val Baiano fez um gol.

Meu texto de hoje poderia ser diferente e começar contando sobre o estádio em Volta Redonda, a emoção de ver nosso novo técnico em ação, o time sob sua regência, quem sabe até um vídeo? Mas não deu pra aceitar o convite de ver o jogo lá, paciência. Talvez tenha sido melhor assim. Pelo que ouvi, o jogo não foi nada demais como um todo. Só os gols, ah, os gols.

Que belos gols. Val Baiano e Diego Maurício!

E Luxemburgo mandando a dança do Snoopy pra comemorar? Mais alguém curtiu? Eu fiquei até emocionada, era o que eu dizia do Andrade, e que eu sentia falta em seus sucessores. A emoção. Sabe? Amigo, você está comandando o Flamengo. O Flamengo!! Eu já estava sentindo falta dessa pegada, de ver que o técnico tinha as rédeas da situação, e não o contrário.

Ok, vocês podem dizer que foi só um jogo. E contra o Atlético GO, só pra jogar cubinhos de gelo na minha cabeça, mas olha eu nem ligando, no melhor estilo "ganhamos do Grêmio Prudente"! (Aliás, né? Foi a última vitória ou estou enganada? Credo!)

De tanto que se falou em Messias, milagre e por aí vai, quer um sinal mais forte do que Val Baiano fazendo um gol? Legadinho de Zico aí pra dar aquela esfregadinha na cara de quem questionou TUDO que o Galo fez.

E só pra embalar, vou ressucitar a música que Tiago Leifert compôs pro então artilheiro do Barueri. David já me disse que essa obra foi feita só pra sacanear o Flamengo, mas nem ligo. A gente pode se apropriar e adaptar. Até porque eu curto o refrão. =D



Quem se arrisca? ;)

2 comentários: