domingo, 26 de setembro de 2010

Uma nota positiva sobre o futebol Rubro-Negro

Eu sempre reclamo de consistência no time, porque os espasmos de talento me incomodam. Não dá pra contar com quem apresenta qualidade de futebol como se fosse um espirro, assim, sem querer, foi mal.

É claro que se formos olhar sob outro ponto de vista, o Flamengo tem sido bem constante em ser ruim, o que não tem a menor utilidade e não vem ao caso pra esse post, já que eu decidi que vou falar de coisas boas.

Ok, talvez a coisa boa tenha seu quê de deboche e ironia, mas ainda assim, é boa.

Ganhamos o carioca de Showbol em cima do América, que tinha em sua equipe o querido Romário. O baixinho levou a artilharia, com 19 gols no total, mas nós levamos a taça com um placar de 12 x 7.

A equipe campeã contou com Robertinho, Júnior Baiano, André Cruz, Emerson, Fábio Baiano e Djalminha, além de Gélson Baresi, Selé, Mário Carlos, Alcindo, Marquinhos e Jorginho. Júnior Baiano e Djalminha marcaram 2 cada um, Fábio Baiano balançou a rede 3 vezes.

O próximo campeonato de Showbol será Rio - São Paulo e Djalminha disse que o time quer levar essa taça também. Gosto de ver que nem todo mundo está devidamente espalhado em sua zona de conforto, viu?

Será que o que pesou foi a experiência do grupo? O fato de que os 2 tempos de uma partida levam mais ou menos o mesmo tempo que 1 no futebol tradicional? Que as regras são mais simples? Que você pode substituir tantas vezes quantas forem necessárias, sem precisar da autorização do juiz?

Eu só sei que, toda vez que vejo uma partida de Showbol, acho uma tremenda humilhação a meros mortais, porque o nível dos jogadores é muito superior, o que faz todo jogo parecer uma brincadeira.

Sugiro que o Mengão substitua as constantes reuniões entre dirigentes e equipe (que devem ser mais uma grande sessão de abraços de grupo, porque não estou vendo evolução nenhuma em campo, né?) por palestras com grupos que funcionam e levam taças.

Passar a mão na cabeça e compreender os fracassos da galera não está sendo uma boa tática.

Parabéns ao Flamengo pela conquista.

Vasco e Botafogo ficaram, respectivamente, com o terceiro e quarto lugares.

5 comentários:

  1. As vezes eu vejo as partidas de showbol... vejo porque acho engraçado. É engraçado rever os "velhinhos" que um dia eu xinguei muito(Jr Baiano e Fábaiano principalmente, apesar de até gostar um pouco de ambos)... Agora, tem a parte triste também... E começa vendo o Djalminha jogar... Sacanagem não, o cara é muito bom de bola. O cara tem uma habilidade que poucos tem, ele é muito craque... O triste nisso e olhar para trás e ver que lá em 1993, se eu não me engano, ele foi trocado por duas mariolas e uma paçoca... Não só ele... Flamengo "deu" toda um geração campeã brasileira... Aí, a gente olha pro presente e ve que essa prática ainda é comum na Gávea... que novos ventos soprem na Gávea...

    Só para completar... a boa do ano é acompanhar o basquete. O Flamengo tem um timaço! Vamos em busca do hexa estadual... Hoje tem jogo no municipal, "di gratis", as 20:30...

    ResponderExcluir
  2. Daniel, eu sinto a mesma dor. Volta e meia eu brinco que podem dar a camisa pro Junior e pro Zico, que eles vão jogar melhor que nosso time profissional. É só vc ver aqueles amistosos que o Zico faz pra comemorar o aniversário dele, os caras que são vovozinhos têm mais gás e categoria que um moleque de 23, tipo o Diogo, que só reclama.

    A Patricia jura que essa farofa de dar jogador em troca de esmola acabou sob a administração dela, mas se ela não tem autonomia nem pra demitir o Bruno, não sei até que ponto rola de fato de ela botar o pau na mesa quanto a isso tb.

    O basquete já tá bem há um tempo, ela até fez parte dessa construção do time. Engraçado é que isso foi uma das coisas que me fez temer a sua eleição. A gente desenvolver os periféricos e destruir o futebol.

    Mas...

    ResponderExcluir
  3. A história do basquete foi só para descontrair um pouco... nem sou fã de basquete, longe disso... No basquete sou torcedor de final... Começo a acompanhar o NBB quando já está nos play-offs... estadual nem faço mais questão de saber... e tem a liga sul-americana que sempre tem uns joguinhos legais...

    Mas o estadual está muito sem graça depois que o vasco acabou com o seu time de basquete... é o Flamengo contra 5 "times" que não tem como investir, aí fica difícil pra eles... No primeiro jogo do estadual, o Flamengo ganhou por 90 pontos de vantagem. O outro time começou o jogo sem reserva... os reservas, somente dois, só chegaram durante o jogo...

    Então, infelizmente isso que você temia se concretizou... o futebol do Flamengo começou o ano completamente largado, sem planejamento algum... e piorou depois que o Marcos Braz saiu... não sou a favor dele, mas deixar o futebol sem comando foi um burrice sem tamanho... os efeitos disso ai são sentidos até hoje.

    ResponderExcluir
  4. Ah, eu acho bacana o basquete, sim. Não acompanho, mas acho bacana.

    Mas a gente tb tem outros periféricos e, pra equilibrar com o fracasso do futebol, tinha que levar tudo na ginástica, natação, remo e por aí vai.

    Se tiver pingue-pongue, eu quero a taça! Só assim pra eu aturar essa xexelência que estão fazendo com o futebol.

    Até pq, pra mim, só o futebol interessa de fato.

    =P

    ResponderExcluir
  5. OS caras do showbol jogam muito, mas acho um saco assitir.

    É que nem salão, tem muito mais habilidade, mas não empolga.

    ResponderExcluir