quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Ai, Flamengo...

Quando a esmola é demais, o santo desconfia. Como hoje levamos o Blogbooks, o demais ficaria por conta do meu time ganhar do Goiás. Você acha, né?

Perdi o primeiro tempo porque estava treinando, mas cheguei a tempo de tomar banho, fazer um pratinho e sentar confortavelmente pra assistir o segundo tempo. Odeio jogo com chuva, juro que acho um tédio. Devia ser proibido chover em dia de jogo, ou então ter cobertura nos estádios. Obrigatoriamente.

Não vou perder tempo analisando cada jogador, a essa altura do campeonato, ninguém tem mais saco pra isso. Eu, principalmente. Mas o que a gente faz com essa zaga? O que faz com Jean? Sabe aquela balela de "o jogo poderia ter sido outro se isso não tivesse acontecido"? Pois então. O jogo definitivamente teria sido diferente se nosso zagueiro não tivesse aberto o placar pro outro time.

É óbvio que não dá pra pegar um pra Judas e dizer que a desgraça toda é culpa dele. O time todo se mantém apático partida após partida e eu não consigo imaginar uma razão pra entrevistarem os jogadores depois dos jogos que não seja fazê-los passar ridículo. Honestamente.

E eu ainda tenho que aguentar Renato Abreu comemorando o empate vergonhoso do dia. Falando que a torcida está de parabéns, blaah, blaaaaah, blaaaaaaaaaaah!! Caro Renato, o empate não foi bacana, foi sofrido. E o Goiás ainda estava com um homem a menos, meu querido! Mesmo com gente a mais em campo, vocês não conseguiram fazer os verdinhos suarem. E a torcida está muito de parabéns, por ainda se esforçar nas arquibancadas pra que vocês sintam o ímpeto de retribuir no gramado.

Daí eu pergunto:  Cadê? Cadê a minha retribuição? Porque esse amor platônico, ó, não está rolando. E isso porque eu nem me arrasto atrás de vocês pelo Brasil, ou até pela América Latina, que nem fizeram aqueles apaixonados organizados que foram até o Chile, por exemplo. Esses devem estar mais possessos que marido traído.

E o Silas? Murro em ponta de faca é uma boa definição pra sua estratégia. Cada hora ele reclama de uma coisa. O time está velho, os jogadores estão sem ritmo, não tem tempo hábil pra treinar.

Posso retribuir? E reclamar que você não sabe mexer no time? Que tem um timing muito do safado? Tem vezes que queima substituição antes da hora, porque diz que a estratégia não está funcionando. Bom... Culpa de quem? Outras vezes comete atrocidades tipo tirar Willians. Ou botar Val Baiano. Tirar o Renato pra botar o Diogo. Oi? Diogo?

Aliás, podia escrever um post inteirinho sobre as substituições do Silas, ou sobre a Patrícia e sua metodologia de "governo", ou sobre o Zico e sua infinita bondade, achando que cair pra segundona não é o fim do mundo. (Olha, Galinho, te amo, tamojunto, mas né?)

Só que os jogos parecem que estão se autocomentando, tamanho o fiasco. Não preciso de narrador, ou comentarista. Dá pra deixar no mudo e ficar só balançando a cabeça, fazendo tsc, tsc, tsc, que isso resume a grande maioria dos jogos do Rubro-Negro.

Hoje eu vi um time em campo que merece muito cair. E essa admissão, vou te dizer, dói mais do que ver essa campanha patética que estamos compondo tão cuidadosamente.

Continuem ensaiando desculpas, fazendo reuniões, dando abraços de grupo e não culpando ninguém. Evidentemente, isso está super dando certo.

5 comentários:

  1. Infelizmente o cenário é esse. Estava reparando na zaga e no ataque hoje e cheguei a conclusão de que para determinados jogadores a camisa "pesa". E muito. Fizeram bem em vários clubes por onde passaram, mas chegam no Flamengo...tsc, tsc, tsc!
    Evitaram o pior hoje.

    ResponderExcluir
  2. Pois é, né? Tem jogador que brilha muito em time pequeno, mas isso não quer dizer que vai segurar a onda de um time grande.

    O que acontece muito também, especialmente no caso do nosso querido Flamengo, é o jogador ter aproveitamento pífio defendendo o manto sagrado, ser passado adiante pelas clássicas paçocas e mariolas, e aí virar estrela de outro time. E até grande mesmo.

    O erro está no Flamengo. Assim como muito atleta deslumbra com o vermelho e preto, muito administrador deixa a desejar lá em cima, brincando com cartas tão grandes e importantes.

    Saca o lance do poder subir a cabeça? Por aí...

    Sofremos nós, pobres mortais otários, que não vamos deixar de amar o clube por essas "bobagens".

    ResponderExcluir
  3. Infelizmente estamos colhendo os frutos desse mandato, até mais rápido do que eu poderia imaginar... Mas aí podem falar, "a culpa não é toda da Patrícia Amorim...", ok, concordo! A zona já vem de muitos anos, mas a "querida" presidente tem sim a sua parcela de culpa. É muito amadorismo em muito pouco tempo...

    Está mais do que claro que futebol nos dias de hoje depende de PLANEJAMENTO. Essa é a palavra! Essa é a palavra que falta no dicionário do C.R. do Flamengo.
    Acho que já falei anteriormente sobre isso... deixar o futebol sem comando foi a pior coisa que poderiam ter feito. É chato voltar nesse assunto, mas é verdade...

    Enfim, sobre ontem... um time que precisa MUITO ganhar e começa com um 4-5-1 contra o Goias tem mais é que passar sufoco mesmo... 5 VOLANTES NO TIME!!! Nem o Joel fazia isso... Aí vem o 2º tempo... gol da galera de verde... falha geral da defesa e falha individual do Jean... e o tempo passa... O imbecil do Silas foi fazer a primeira substituição com 15 minutos, 10 minutos depois de tomar o gol... e em seguida fez a outra... tirou o Maldonado e o Renato... Eu sou um crítico do futebol do Renato, mas ontem era pra ele ficar em campo. Campo molhado, muita chuva, vai que ele acerta um daqueles bicos... mas não, o Silas preferiu deixar o Kleberson(aquele mesmo que, infelizmente, eu defendi)... triste... Botou o Pet que nada fez... alias, fez sim, errou tudo que tentou... E por fim botou o Val Baiano... Abriu o time e quase tomamos o 2º gol... Aliás, cade o D. Maurício???? Nosso melhor reserva...

    Achamos aquele golzinho salvador do Deivid... 1x1, era pra correr pra dentro do gol, dar porrada em geral, pegar a bola e botar no meio-campo... roubar a bola e partir pra cima e tentar a virada... mas não, preferiram ir lá na torcida comemorar o gol e mostrar que o time tem "raça"... pelo amor de deus... E ao final do jogo ainda somos obrigados a ouvir pérolas do tipo... " o resultado foi bom..."

    É chato cornetar técnico... mas não dá pro Silas não... as incoerencias dele estão em evidencia... Teremos fortes emoções no final do ano...

    Eu nem quero comentar as declarações do Zico...

    ResponderExcluir
  4. Com certeza. É cumulativo, mas ela também não está ajudando muito, né? Eu discordo bastante de algumas metodologias dela, apesar de gostar de outras. Quando ela disse q acabou a troca de jogador por doce de Cosme e Damião, já deu um alívio. Quanto dinheiro a gente não perdeu pq dirigente sem visão achava que jogador era figurinha de álbum?

    Já qto ao Silas, dá até pra questionar se o cara é técnico mesmo. Tá na hora de parar de reclamar e começar a trabalhar com o que tem e fazer funcionar. Pra mim, isso é ser técnico.

    O Silas tá só testando minha paciência.

    ResponderExcluir
  5. Bem lembrado... realmente essa medida de acabar a troca de jogadores será muito benéfica para o clube... até hoje me lembro do dia que o vampeta chegou na Gávea...

    ResponderExcluir