domingo, 30 de agosto de 2009

Perseguição

Assim não dá. Eu sei que o Botafogo é responsabilidade da Milla, sei também que eu não vi o jogo inteiro, só parte do segundo tempo, mas o que estão fazendo com o Botafogo é palhaçada.

Em um dos gols do Grêmio a bola saiu toda, só se o bandeirinha estivesse de olhos fechados ou amarrando o cadarço para não ver aquilo. Deveriam ter invalidado o gol.

E o pênalti? Que ridículo! Involuntário é o cacete, impediu a trajetória da bola, avacalhou a jogada, o juiz deveria ter apontado para a marca do pênalti e dar a bola pro Lúcio Flávio e ponto.

Isso foi só um exemplo do que foi mostrado pelo Troca de Passes quando do pronunciamento do Presidente do clube, que criticou veementemente a arbitragem do Campeonato Brasileiro. E ele tem razão.

O Alvinegro está sendo definitivamente prejudicado e, como disse o Juninho, não é porque eles não estão conseguindo fazer gols, porque eles estão fazendo golaços, como o do Leandro Guerreiro, injustamente desmerecido por um jogador adversário. Tudo bem que eu não falo a língua dele, mas eu entendi claramente que ele interpretou a jogada do zagueiro do Botafogo como desesperada e inesperada, daí o time ter sido pego de surpresa e não ter conseguido impedir a bola de entrar. Idiota. Foi uma puta jogada e um puta gol. Mais do que merecido. Seria absurdo o Grêmio ganhar.

Eu acho que já chegou num ponto em que não dá. Alguns times vêm sendo claramente favorecidos, e outro sendo obviamente roubados. Depois vêm criticar o futebol do Rio. Como eu disse, assim não dá.

Um comentário: