quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Derrota com gosto de vitória (?)

Eu não sou uma dessas pessoas que acredita muito em vitória moral, afinal é o tipo de vitória que não acrescenta pontos à tabela, mas não posso desconsiderar esse aspecto do jogo do Flamengo com o Goiás.

Depois das asneiras proferidas pelo jegue que treina o Esmeraldino, não vou negar que gostaria de vê-lo quebrando a cara, perdendo para o Mengão e tendo de engolir a maioria Rubro Negra nas arquibancadas do estádio, mas não se pode ter tudo. A torcida compareceu, mas o time carioca acabou perdendo a partida. Os 3 pontos ficam com o Goiás.

Tudo bem, eu não vi o jogo de ontem, estava no cinema (finalmente) vendo Harry Potter, então não posso comentar muito, a não ser pelo que vi no Globoesporte.com ou pelos comentários de terceiros. Ainda bem que existe o VT e os videozinhos de internet. =)

Pois bem. A primeira questão é que eu não gosto desse árbitro. Eu acho que ele erra bastante e isso é exasperador. Até o Wright concordou que o Leo Lima fez falta no Willians antes de fazer o gol, e olha que isso é algo raro. Esses juizes-comentaristas nunca acham que foi falta em cima do Flamengo, mas, curiosamente, sempre acham que a punição aplicada sobre os jogadores Rubro Negros foi pouca diante da carnificina praticada em campo. Ou seja, o gol não valeu, ok Heber??

O outro lance questionado pelo Andrade foi o impedimento do Bruno Paulo, que, segundo ele, a minha estagiária e o meu colega de trabalho, não existiu. Ainda quero ver o lance para dar o meu parecer, mas aposto que não foi mesmo. Então acompanhemos... Caso o Bruno Paulo fizesse o gol e o do Leo Lima não tivesse valido, nossa situação estaria muito melhor.

Mas o gosto de vitória que eu mencionei no título se deve exclusivamente ao gol do Pet. Eu adoro essa expressão, "Gol do Pet". É tão sonora quanto emocionante. O primeiro gol do Sérvio desde a sua volta ao Mengão foi limpo e lindo. Fez o comentarista global se referir a ele como o jogador mais lúcido do time em campo. Saca o momento para se recostar no sofá e mandar um "HA HA!"? É esse.

Depois das piadinhas babacas sobre o número da camisa dele corresponder à sua idade, Pet mostra que está bem, obrigada, e tem condições de se tornar titular. É isso aí, galerinha preguiçosa. Mostrem qualidade e vocês serão recompensados.

Teria sido lindo se tivesse tido Gol do Pet (com maiúscula, pra ficar mais respeitável), torcida comparecendo em peso, pra mostrar que flamenguista não se intimida com desaforo de técnico fundamentalista, juiz que presta atenção no jogo e não apita na orelhada, e 3 pontinhos na tabela.

Vou ter de me contentar com a bendita vitória moral.

P.S.: E o Leo Moura, pianinho, chamando a torcida pra comemorar o gol do meu sérvio favorito, hein?

Um comentário:

  1. E o impedimento não existiu mesmo! Dois jogadores do flamengo abaixo estavam impedidos, mas não estavam na jogada, então não vale. O que ia fazer o gol, tava longe de estar impedindo e o bandeirinha boboca que já tinha marcado errado poucos minutos antes, levantou aquela droga! Retardado mental! Affe!

    Enfim... o jogo foi tão divertido. =)

    ResponderExcluir